Enxaguante Bucal Mocinho ou Vilão? - Dica do Dr. Michel Platini

0 comentários
Por @DrMichelPlatini no Instagram


Embora ele não mate todos os germes e bactérias bucais (como prometido em muitas propagandas), o enxaguante bucal evita a formação da placa dental que causa gengivite ou cáries. Outro engano comum é achar que ele combate o mau-hálito, não é verdade. O correto é diagnosticar a causa do mau-hálito e não apenas mascarar o problema com o gostinho refrescante, para que o o tratamento mais adequado possa eliminar o terrível problema de halitose.

IMPORTANTE 

Ao comprar um enxaguante bucal certifique-se de que é livre de álcool em sua composição. Muitos deles, disponíveis no mercado, contém essa substância prejudicial para sua higiene bucal. E cuidado para não se iludir com o ardor, ao bochechar, isso não significa que o enxaguante está fazendo um bom trabalho e eliminando as bactérias.

Agende já sua avaliação com Dr. Michel Platini que atende pacientes nas cidades de Pau dos Ferros, Martins e Natal.  Contato: 99970-7916 (WhatsApp).




Compartilhe:

Postar um comentário