Recadastramento do Bolsa Família começa na próxima semana em Pau dos Ferros

0 comentários
A equipe do Cadastro Único do município de Pau dos Ferros definiu junto à coordenação municipal do programa, em reunião realizada na segunda-feira, 27, o calendário para o recadastramento do Bolsa Família deste ano.

As famílias beneficiadas terão um prazo de três meses para a atualização dos dados. Os trabalhos começarão no próximo mês e seguirão até julho, portanto, terão início já na próxima segunda-feira, 4 de maio.

Um das novidades será a informatização do recadastramento, que deixará de ser manual para acontecer via internet. “Se continuássemos como estávamos, nosso atendimento não passaria de 33 pessoas. Agora, podemos atender uma média de 60”, afirmou o coordenador do Cadastro Único, Alcigério Queiroz, que revelou a preocupação da gestão em agilizar o processo.

Embora, hoje, quase 3.500 famílias do município recebem valores do Bolsa Família, a atualização só deverá contemplar 80% desse número, uma vez que nem todas as famílias se enquadram nos critérios de recadastramento: mudança de endereço, escola das crianças e composição familiar.

De acordo com Alcigério, nem todos com registro no Cadastro Único são beneficiários do Bolsa Família, “apenas as famílias cuja renda per capita seja de até R$ 77,00 (para valor básico) ou R$ 154,00 (para valor variável)”. O coordenador lembra ainda que a manutenção do benefício ocorre em três instâncias: Desenvolvimento Social, Saúde e Educação. Assim, é importante não confundir a atualização dos dados.

Para o recadastramento junto ao Cadastro Único, é importante o representante familiar estar de posse dos seguintes documentos: RG, Cadastro de Pessoa Física (CPF), Título de Eleitor, Certidão de Nascimento ou Casamento, Declaração Escolar, Conta de Luz e Comprovante de Renda (originais e de todos os membros da família).

Das 7h às 13h, os beneficiários deverão procurar a sede do órgão, localizada na Avenida da Independência, nº 1917. O novo endereço do Cadastro Único foi pensando pela secretária de Desenvolvimento Social, Glenira Holanda, em razão da priorização da qualidade do atendimento. “Agora nós temos mais espaço e as pessoas terão mais conforto”, comentou Alcigério Queiroz.


Compartilhe:

Postar um comentário