Feriado estadual homenageia os Mártires de Cunhaú e Uruaçu

0 comentários
Hoje é feriado em todo o território estadual em homenagem aos Mártires de Cunhaú e Uruaçu. A data foi instituída através da Lei Estadual nº 8.913/2006, em virtude do massacre de católicos ocorrido no ano de 1645 por holandeses que dominavam o Estado. Eles queriam impor a religião protestante calvinista, enquanto os católicos não aceitavam.

O primeiro massacre aconteceu na Capela de Nossa Senhora das Candeias, no Engenho de Cunhaú, município de Canguaretama, no dia 16 de julho de 1645. Na ocasião, os fiéis estavam na missa quando começou a chacina. O segundo massacre, ainda mais violento do que o anterior, aconteceu em Uruaçu, comunidade de São Gonçalo do Amarante.

Os mártires foram beatificados no ano de 2000, pelo papa João Paulo II, como exemplos de fé cristã e defensores da Igreja Católica. Já o feriado foi decretado após uma solicitação da Arquidiocese de Natal ao Governo do Estado. Desde então, todos os anos, milhares de fiéis seguem até os locais dos massacres para homenagear os mártires.
Compartilhe:

Postar um comentário